Notícias

Bancada de Sergipe se une por construção de Hospital do Câncer: “Sonho antigo”, diz Mitidieri

17 Outubro

Em um ato de união por Sergipe, a bancada do estado no Congresso decidiu, na quarta-feira (16), destinar R$ 100 milhões em emendas para a construção de um Hospital do Câncer em território sergipano. A ação vai contar com os oito deputados e três senadores do estado, que dividirão igualmente os valores das emendas de bancada destinadas.

De acordo com o deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) a ação era um desejo de todos os parlamentares. E por meio de uma parceria, colocaram a ideia em prática. “Essa foi uma iniciativa de toda a bancada. Nós vamos doar o recurso por igual, cada deputado e senador, para que a gente realize o sonho de ter um hospital especializado no tratamento de câncer em Sergipe. Pensávamos há muito tempo, mas nunca saiu do papel. É uma parceria com o Hospital do Amor, que é o Hospital do Câncer de Barretos (SP)”, explicou.

A unidade para tratamento exclusivo de pacientes com câncer já tem até endereço: será em Lagarto. Demonstrando completa satisfação com a iniciativa, Mitidieri lembrou que a parceria teve também a participação do doutor Henrique Prata, diretor geral do Hospital do Amor. “A gente quer agradecer aqui o doutor Prata, que foi quem sugeriu essa parceria. Ele fez um diagnóstico da situação do câncer em Sergipe. Ele tem parentes sergipanos, lá de Lagarto. Era um desejo dele também poder levar um hospital do câncer de Barretos para Sergipe. É uma megaestrutura que será construída lá e a ideia é que daqui três anos possamos inaugurar o hospital do câncer de Sergipe” contou.

Os R$ 100 milhões serão divididos em três anos. A primeira parcela será de R$ 20 milhões, e as outras duas, nos anos seguintes, serão de R$ 40 milhões. Mas a expectativa de Mitidieri é que o trabalho comece o mais breve possível. “No ano que vem, se Deus quiser, iniciam-se as obras”, desejou.

Foto: Neto Sousa

Fale com Fábio